Karina Thieme

(Prof. Dr.)

Linha de Pesquisa: Mecanismos moleculares e epigenéticos da fisiopatologia renal

Resumo: A doença renal crônica (DRC) caracteriza-se por perda progressiva da função renal e presença de proteínas na urina. As atuais intervenções farmacológicas não têm sido suficientemente eficazes no controle da doença e a sua morbimortalidade tem aumentado de maneira alarmante. As modificações epigenéticas trabalham em conjunto com os mecanismos genéticos na regulação da atividade transcricional em tecidos normais, porém encontram-se frequentemente alteradas em diferentes doenças crônicas, incluindo a DRC. Assim, os estudos do laboratório têm como objetivo elucidar mecanismos moleculares e epigenéticos envolvidos no desenvolvimento e na progressão da disfunção renal. Para atingir estes objetivos, utilizaremos abordagens in vivo (roedores), in vitro (culturas de células renais) e translacionais (biópsias renais) para identificar alvos e estratégias terapêuticas inovadoras e eficazes na gestão da DRC.

Fone: 3091-7240  – Sala: 222

Laboratório de Bases Celulares e Moleculares da Fisiologia Renal

Email: karina.thieme@usp.br

Currículo Lattes